A pandemia elevou o preço do milho e da soja nos últimos dois anos. A saca de 60 quilos de milho aumentou 93,9%, e o da soja, 68,1%, segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). Esse alto custo afetou especialmente a avicultura, onde produtores tiveram que buscar alternativas mais econômicas e eficientes para reforçar a nutrição das aves e garantir a qualidade das produções, como a suplementação por meio de carotenoides.

“O uso de carotenoides na dieta animal é um caminho economicamente viável, com bons resultados para pequenos e médios criadores, principalmente diante do encarecimento de matérias-primas, pois, ao adicionar 7g do pigmento a cada 100 quilos de sorgo – uma ração mais barata que o milho e a soja – é possível conseguir uma produção de alta qualidade e ótima aparência, garantindo a competitividade de seus produtos no mercado”, explica Bruno Wernick, veterinário e coordenador de serviços técnicos para nutrição animal da BASF.

Muito conhecido e utilizado por grandes criadores, os carotenoides são amplamente utilizados na nutrição animal, sendo altamente eficientes, econômicos e com propriedades benéficas à saúde. São responsáveis por conferirem ao alimento uma cor atraente, como o amarelo vivo da gema dos ovos – uma característica muito valorizada pelo mercado. Nos animais, eles podem ser encontrados principalmente na pele e nos tecidos musculares de salmões. Esses produtos garantem uma função protetora, funcionando como antioxidantes por desativar os radicais livres, estimular a comunicação celular, proteger os olhos e a pele e ativar as respostas imunológicas.

A BASF dispõe de duas versões de carotenóides: o Lucantin® Yellow (C-30 ester) e o Lucantin® Red (Cantaxantina), destinados à avicultura e à pigmentação de peixes e crustáceos. Eles são produtos sintéticos, idênticos aos de origem natural, que apresentam uma melhor biodisponibilidade e têm maior estabilidade nas rações.

Pequenos e médios produtores podem ter acesso a essas soluções pela plataforma digital [email protected], contando inclusive com informações técnicas e suporte dos especialistas da companhia, de forma fácil, ágil e segura, mantendo, assim, constância em suas produções nesse momento de retomada da economia.

Divisão de Nutrição e Saúde da BASF – A divisão de Nutrição e Saúde da BASF oferece um amplo portfólio de produtos e serviços para as indústrias de nutrição humana e animal, farmacêutica, etanol e sabor e fragrância. Em conjunto com os nossos clientes, desempenhamos um papel ativo na melhoria da nutrição, da saúde e do bem-estar dos consumidores em todo o mundo. Nossos produtos cumprem os mais altos padrões de segurança, regulação e sustentabilidade. As nossas soluções de nutrição humana incluem vitaminas e carotenoides, esteróis de plantas, ésteres de luteína e esteróis, emulsionantes, ácidos graxos ômega 3 altamente concentrados, oligossacarídeos de leite humano e peptídeos. As vitaminas e os carotenoides também constituem uma parte importante do nosso portfólio de nutrição animal, assim como outros aditivos, tais como oligoelementos, enzimas e ácidos orgânicos. Nós fornecemos à indústria farmacêutica uma ampla gama de excipientes e ingredientes farmacêuticos ativos de grande volume selecionados, tais como ibuprofeno e ácidos graxos ômega 3. Alavancando nossa tecnologia avançada, criamos enzimas industriais de alto desempenho para diferentes mercados, como a produção de etanol. Além disso, oferecemos ingredientes aromatizantes como citral, geraniol e L-mentol. A divisão de Nutrição e Saúde da BASF atua na Europa, na América do Norte, na América do Sul e na Ásia-Pacífico.

BASF no Brasil – A BASF, empresa alemã e líder mundial na área Química, comemora em 2021, 110 anos de presença no Brasil. Ao longo desse período, a empresa tem investido em produtos e soluções para os diferentes segmentos da indústria brasileira, ressaltando a sustentabilidade e a inovação como temas transversais e considerados chave para o sucesso da companhia. Do total de mais de 110 mil colaboradores da BASF no mundo, 5.850 deles na América do Sul, sendo 5.850 colaboradores América do Sul e 4.215 no Brasil – todos atuam com o propósito de criar química para um futuro sustentável, em um ambiente inclusivo, aberto e criativo, que preza por uma cultura de respeito e diversidade.Com oito unidades fabris no Brasil, a BASF tem como compromisso uma atuação responsável em parceria com clientes e com as comunidades onde está inserida. O portfólio da empresa está organizado em seis segmentos: Químicos, Materiais, Soluções Industriais, Tecnologias de Superfície, Nutrição & Cuidados e Soluções Agrícolas. A BASF gerou vendas de € 59 bilhões em 2020 e investiu cerca de € 2 bilhões em pesquisa e desenvolvimento de novos produtos e soluções.


Máquina Cohn&Wolfe
maquinacohnwolfe.com.br